Fotos IBP

Humor

 

Você já ouviu falar sobre Food & Mood?

Traduzindo do inglês significa Comida e Humor. Não vou falar sobre alegria, mas sobre o humor, e para este último, a alimentação tem sim muita influência. Ingredientes vindos das refeições são capazes de modular a fabricação de neurotransmissores (NT) - responsáveis pela comunicação entre as células do cérebro - e para um bom humor é necessário que estejam em níveis adequados.

Os principais NT são serotonina, dopamina e noradrenalina. Pessoas com baixo nível de serotonina costumam ser deprimidas e desanimadas; ela é derivada do Triptofano sendo a dopamina e noradrenalina derivadas da lisina. Ambos estão presentes nas leguminosas (grão de bico, lentilha, feijão) além de carnes em geral, ovos e leite e derivados. Nossa energia vem basicamente da glicose, que é fornecida na alimentação pela digestão do carboidrato, presente nos pães, cereais arroz e massas, e esse nutriente também estimula a produção de serotonina. Uma quantidade insuficiente de carboidrato pode estar relacionada às oscilações no humor.

O intestino também é responsável pela produção da serotonina, portanto, seu bom funcionamento está relacionado ao bom humor. Sabe-se que a carência de ácido fólico no organismo, bem como de Vitamina B1, B6, B12 e selênio pode levar a uma diminuição na síntese de serotonina, suas fontes são espinafre, verduras de folhas escuras, soja, laranja, melão, cereais integrais, carnes e castanhas. Devem ser evitados a cafeína em excesso, o álcool e alimentos com alto teor de gordura, já que prejudicam o funcionamento do sistema digestivo. Alimente-se bem e seja bem humorado.

Ádila Mizrahy